Páginas

domingo, 17 de maio de 2015

Um pouco de amor


Com um pouco de amor
Tantas coisas podem ser feitas
É difícil admitir
Mas com um pouco de amor eu poderia ser levada
Como uma pena é levada por uma onda
Eu seria arrastada como ela por um pouco de amor.
Por uma flor ou um bilhete
Por um olhar ou preocupação
Por um sorriso ou um toque
Por tão pouco
Eu poderia ser capturada
Como uma presa que não tem saída
E seria devorada pela paixão...

segunda-feira, 4 de maio de 2015

Coração desobediente


Quando o coração dispara não há mais o que fazer
Não há que tentar esquecer
Não há que tentar evitar
Não há que tentar se convencer
Porque o coração sempre vence
Ele sempre diz a verdade
Se o coração dispara só há que dar a razão a ele
Sem tentar contorná-lo ou desobedecê-lo
Porque ele é teimoso,
E não te deixará em paz enquanto não conseguir o que quer.