Páginas

sábado, 28 de março de 2015

Inegável


Eu menti pra mim mesma
Dizendo que não gosto dele
Dizendo que não faz sentido gostar dele
Por que ele é só mais um idiota.

Mas ontem eu vi
Vi a razão desse sentimento,
Quando ele sorriu.
Quando ele sorriu e eu vi o quão doce era seu sorriso.
E vi em seu olhar algo piscando,
Algo incandescente.

E agora eu não posso negar
Que há um motivo para gostar.
E não posso entender,
Como ha gente imune a tudo isso nele...

domingo, 15 de março de 2015

Rotina

Comprimida no lugar em que eu sempre estive
Com as pessoas que eu sempre andei
Fazendo as mesmas coisas de sempre
Mas isso hoje está me comprimindo.
Está me sufocando, me apertando de todos os lados.
Amanhã talvez eu esteja melhor, mas o que importa é que hoje eu queria fugir. Correr para ficar só comigo mesma.
Apenas com o som da minha respiração e o barulho do vento batendo nas arvores.
De alguma forma eu só queria fugir de tudo isso que estou tão acostumada...

sexta-feira, 6 de março de 2015

Confiança

Tudo Vale a pena.
Cada minuto e cada coisa que fazemos pode valer a pena.
E se pensarmos que rascunhar alguma frase em um papel não vale a pena. Então não valerá mesmo.
E se pensarmos que escutar por alguns minutos nossa música favorita não vale a pena, não valerá.
Pois enquanto pensarmos que o que fazemos não é importante para nós nem para o outro, não será mesmo importante.
Tudo é uma questão de acreditar em si.